sábado 16 de dezembro




Carlos Domingos

Carlos Domingos
 
O publicitário Carlos Domingos é sócio-fundador e diretor de criação da agência Age, que integra um dos maiores grupos de comunicação do mundo, o Aegis Group. Em mais de 20 anos no mercado publicitário, já passou por agências como DM9DDB, Lowe e W/Brasil e é um dos criativos mais premiados do Brasil. Domingos já conquistou doze Leões no Festival de Cannes; o prêmio Profissionais do Ano, da Rede Globo; Grand Prix do Prêmio Abril de Publicidade; e Melhor Anúncio do Mundo, pelo Advertising Age. O sucesso da coluna que teve no jornal Valor Econômico o levou ao mundo dos livros. Carlos Domingos é autor de Criação sem pistolão, para estudantes de comunicação e profissionais do mercado, que já teve mais de dez reedições; e de Oportunidades disfarçadas, um catálogo de ideias e soluções para momentos críticos no trabalho, repleto de cases interessantes, de profissionais do Mercado e grandes empresas. 
 
 
 
 
 
OBRAS
 
Negócios
Criação sem pistolão (252 págs.) - 2003, Editora Negócio
Oportunidades Disfarçadas (304 págs.) - 2009, Editora Sextante
2003 - Criação sem pistolão2009 - Oportunidades disfarçadas
 
 
Edições Estrangeiras
Portugal: Janelas de Oportunidade (Oportunidades Disfarçadas ) - 2010, Academia do Livro (direitos revertidos)
2010 - Janelas de Oportunidade - Portugal

 


Obras em Destaque

  • imagem

    Oportunidades Disfarçadas

    Editora Sextante - 2009 - 304 págs.

    A repercussão entre os leitores dos artigos de Carlos Domingos, publicados no jornal Valor Econômico, motivaram o autor a escrever um livro. Iniciou-se um obsessivo trabalho de pesquisa, que durou sete anos. O resultado final é surpreendente. Oportunidades disfraçadas é um livro de negócios diferente: ágil, criativo, sem teoria nem termos técnicos.
     
    A obra relata histórias interessantes, fatos curiosos e passagens emocionantes envolvendo as maiores marcas e os empreendedores mais admirados do mundo, contando como crises e, depois, dribles improváveis e sagazes foram determinantes em suas trajetórias. Alguns exemplos: O iPod é um megasucesso que nasceu graças à revolta de clientes com outro produto da Apple. O YouTube surgiu como um site de encontros amorosos. Não deu certo e seus criadores tiveram visão para identificar um novo caminho possível. Toyota, Google, Natura, Bradesco, Swatch, McDonald’s, Havaianas e Sony são algumas outras empresas citadas no livro. Oportunidades disfarçadas demonstra que é possível vencer dificuldades e, principalmente, beneficiar-se delas.
     
     
     

  • imagem

    Criação sem pistolão

    Editora Negócio - 2003 - 252 págs.

    Depois da Revolução Industrial, o mundo assistiu ao lançamento da geladeira, do automóvel, do liquidificador, do creme dental, da margarina e de outros milhares de produtos, que passaram a ser vendidos em larga escala. Como tudo era novidade, bastava mostrar o produto, dizer para que ele servia e pronto - as pessoas iam comprar. Por isso os anúncios eram óbvios, diretos, sem criatividade. Essa situação começou a mudar na segunda metade do século XX, quando foram surgindo concorrentes no mercado. Daí a necessidade da propaganda criativa - para ganhar a preferência do consumidor, diferenciar os produtos e construir a imagem das marcas. Criação sem pistolão esclarece como o mercado publicitário funciona e quem têm perfil para trabalhar nele, em capítulos como: Por que existe a propaganda criativa?, Brevíssima História da Propaganda Brasileira, Você tem talento?, Você tem perfil para trabalhar em criação?, O processo criativo, Como se comportar na entrevista, Depois de contratado e Dentro da agência, entre outros.
     
     
     


Sobre a Agência Riff
imagem

Inaugurada em 1991, a Riff representa grandes nomes da literatura brasileira e as principais editoras e agências literárias estrangeiras no Brasil e em Portugal. Saiba mais.




2011 Agência Riff todos os direitos reservados - agenciariff@agenciariff.com.br Guilhotina Design