terça-feira 17 de outubro




Malu Gaspar

Malu Gaspar
Paulistana, nascida em 1974, formou-se em jornalismo pela Escola de Comunicações e  Artes da USP. Começou a carreira como reporter de cidades da Folha de S. Paulo em São Paulo, foi correspondente junior do jornal aos 25 anos e depois, reporter da sucursal de Brasília. Em Brasília, transferiu-se para VEJA como reporter em 2000.
 
Como reporter, sempre se interessou por coberturas desafiadoras, em que a tônica fosse oferecer informações exclusivas a partir de investigações apuradas, fosse o assunto uma grande epidemia (como a de sarampo, em 1997), um movimento politico (a onda de invasões dos sem-terra, no início dos anos 2000) ou um crime do colarinho branco  (como as investigações sobre o dinheiro desviado da prefeitura de São Paulo pelo ex-prefeito Paulo Maluf , ou o escândalo do desvio de dinheiro do TRT paulista, com suas conexões brasilienses).
 
Em 2005, tornou-se chefe da sucursal de EXAME no Rio, onde especializou-se na cobertura econômica. Apesar de acumular também a função de editora, nunca deixou a reportagem de lado. Em seu trabalho, sempre procurou lançar luz sobre os bastidores dos grandes negócios e da vida nas empresas, explorando tanto os detalhes da personalidade de seus protagonistas como as conexões entre os interesses econômicos e políticos. Esse era, aliás, o tema  do blog Esquerda, Direita e Centro, que produziu com grande prazer no site de EXAME entre 2008 e 2010.
 
De 2010 a 2015, foi editora da Revista VEJA no Rio de Janeiro. Desde junho, é repórter da revista Piauí. 
 
Tudo ou Nada é seu primeiro livro.

OBRAS
 
História e Reportagem
Tudo ou Nada - 2014 - Record
2014 - Tudo ou nada
 

Obras em Destaque

  • imagem

    Tudo ou nada

    Record - 2014 - 546 págs.

    Tudo ou nada é o resultado de uma pesquisa espantosa sobre Eike Batista e sua trajetória fulgurante de ascensão (e não sem alguns tombos no caminho) desde o início dos anos 1980 até a queda brutal em 2012/13. Malu Gaspar, experiente editora da Veja, especialista no setor energético, pesquisou fontes inéditas, levantou documentos jamais vistos e ouviu pessoas fundamentais - amigos, ex-amigos, colaboradores, ex-colaboradores, admiradores e adversários - que nunca antes haviam falado a respeito e que revelam tramas que montam novo, amplo e complexo quebra-cabeça para se compreender não só o caminho de uma empresa como também a cabeça de um homem singular. Escrita como thriller, com linguagem destinada ao cinema, esta reportagem brilhante também é retrato poderoso do Brasil - dos escolhidos do Brasil - nos últimos 15 anos, fotografia precisa de como público e privado podem se embaralhar perigosamente a serviço de interesses político-econômicos pessoais.


Sobre a Agência Riff
imagem

Inaugurada em 1991, a Riff representa grandes nomes da literatura brasileira e as principais editoras e agências literárias estrangeiras no Brasil e em Portugal. Saiba mais.




2011 Agência Riff todos os direitos reservados - agenciariff@agenciariff.com.br Guilhotina Design