sexta-feira 15 de dezembro




Vinícius Grossos

Vinícius Grossos

Vinícius é taurino, leitor voraz e perseguidor de sonhos. Ama comida italiana, dias nublados e café. Nasceu em 1993, no estado do Rio de Janeiro e quando pequeno, tinha o sonho de trabalhar em uma livraria apenas para poder ler tudo o que fosse possível. Já quis ser desenhista também, mas sua falta de talento o ajudou a se encontrar de vez como escritor.

Publicou seu primeiro livro ‘Sereia Negra’ de forma independente em 2014. Após, em 2015, lançou ‘O Garoto quase-atropelado’ pela Faro Editorial e que figurou na lista dos 10 livros mais vendidos da Bienal do Livro de Minas. Em 2016, lançou o romance LGBT ‘1+1 – A Matemática do Amor’, e em 2017, ainda pela Faro Editorial, é um dos autores da Antologia ‘O Verão em que tudo mudou’. Atualmente mora em Juiz de Fora, Minas Gerais, onde estuda Jornalismo na Universidade Federal de Juiz de Fora. Seus objetivos são: viver de literatura no Brasil, viajar pelo mundo com seu trabalho e fazer uma tatuagem para cada livro publicado.

"Uma história inesquecível sobre adolescentes que escolheram acreditar no que sentiam. Você vai se emocionar."
Bruna Vieira sobre O Garoto quase-atropelado. - autora de Depois dos Quinze e Um Ano Inesquecível (Gutenberg)
 
"1+1 é um livro muito fofo, que fala sobre um assunto delicado de uma maneira tão bonita e natural".
Eduardo Cilto sobre 1+1 - A Matemática do Amor - autor de Traços (Planeta)
 
"Vinicius tem uma forma simples e cativante de escrever. Ele consegue, mesmo dentro de uma ficção, trazer conselhos que são necessários para a nossa vida real. Ele nos diz o que precisamos ouvir, mesmo falando diretamente com os seus personagens."
Matheus Rocha - autor de No Meio do Caminho tinha um amor e Muito amor, por favor (Sextante)
 
"Dono de uma escrita inventiva e envolvente, Vinícius Grossos sabe exatamente como se comunicar com os jovens leitores."
Eric Novello - autor de Exorcismos, Amores e Uma Dose de Blues (Gutenberg) e Ninguém Nasce Herói (Editora Seguinte)

 
OBRAS

Romances

Sereia Negra (202 pgs) - 2014, Independente
O Garoto quase atropelado (272 pgs) - 2015, Faro editorial
1+1 - A matemática do amor (256 pgs) - 2016, Faro editorial - em coautoria com Augusto Alvarenga
O verão em que tudo mudou (304 pgs) - 2017, Faro editorial- em coautoria com Gabriela Freitas e Thaís Wandrofski
2014 - Sereia Negra2015 - O garoto quase atropelado2016 - 1+1 A matemática do amor2017 - O verão em que tudo mudou

 


Obras em Destaque

  • imagem

    O Verão em que tudo mudou

    Faro Editorial - 2017 - .

     
    A vida às vezes guarda inúmeras surpresas. Sem avisar, ela muda de direção. Na hora você não entende, já que “tudo parecia estar bem”. Então percebe que havia sinais.... um sentimento, uma lembrança, um fato que parecia bobo, mas não era... É quando a gente entende que todo o caminho estava errado, que nada fazia muito sentido. Pelo menos, pra você. Fred sente-se absolutamente comum diante de um mundo com tanta gente especial. Lavínia, ao alcançar aquilo que parecia um sonho, algo pelo qual tanto lutou descobre que a nova conquista nunca foi realmente um desejo seu. E Sol, sem perceber, vive sempre à espreita, desconfiada, em constante alerta, tentando controlar tudo ao redor, na esperança de não se ferir novamente... Mas que controle podemos ter diante de tudo? Três jovens, de cidades distantes, com diferentes realidades, descobrindo o mundo a partir de suas próprias escolhas: complexo, difícil, libertador. Três histórias que se cruzam, no exato momento em que se coloca, diante de cada uma delas, uma exigência capaz de definir algo para o resto de suas vidas.

  • imagem

    1+1 - A Matemática do Amor

    Faro Editorial - 2016 - .

     
    Lucas e Bernardo são dois garotos, melhores amigos um do outro de toda a vida. De repente, recebem a notícia de que Bernardo irá se mudar com a família para outro país. Nesse momento, cada um a seu modo, percebe como valiosa era aquela amizade, algo que não queriam perder. Bernardo reage mal e se revolta. Lucas tenta transformar cada dia que resta com o amigo na melhor experiência de suas vidas. Ele escreve uma lista de coisas para fazer e pretende cumprir uma por uma, em todos os detalhes. Mas, a cada dia, o fantasma da separação os assombra com um cronômetro lembrando que o tempo se esgota e, ainda assim, os dois passam por grandes momentos juntos. Então os meninos percebem que há algo mais entre eles… um sentimento profundo, que não conseguem explicar e tornam todas aquelas experiências ainda mais intensas. Mas o que fazer com tudo isso quando se tem apenas 16 anos?

  • imagem

    O Garoto quase-atropelado

    Faro Editorial - 2015 - .

     
    “Uma história sobre adolescentes que escolheram acreditar nos que sentiam. ‘O Garoto Quase Atropelado’ vai fazer você se emocionar e pedir mais. Inesquecível!”
    Bruna Vieira, autora de Depois dos Quinze e outros best-sellers.

    Um garoto sofreu com um acontecimento terrível. Para não enlouquecer, ele começa a escrever um diário que o inspira a recomeçar, a fazer algo novo a cada dia.

    O que não imaginou foi que agindo assim ele se abriria para conhecer pessoas muito diferentes: a cabelo de raposa, o James Dean não-tão- bonito e a menina de cabelo roxo, e que sua vida mudaria para sempre!

    Prepare-se para se sentir quase atropelado de uma forma intensa, seja pelas fortes emoções do primeiro amor, pelas alegrias de uma nova amizade ou pelas descobertas que só acontecem nos momentos-limite de nossas vidas.

    Estar vivo e viver são coisas absolutamente diferentes!

  • imagem

    Sereia Negra

    Independente - 2014 - .


     
    “Um peixe fora d’ água” – foi exatamente assim como Inês se sentiu a vida toda. No seu aniversário de quinze anos, Inês têm todos os seus sentimentos de revolta aflorados deforma aplacável; seu pai a abandonou assim que ela nasceu, sua mãe morreu no parto, ela nunca teve amigos, nem nunca se sentiu atraente o suficiente para os meninos com quem tivera contato. É então que Inês decide que sua vida deve ter uma mudança radical. Mal saberia ela que essa mudança estava mais próxima do que ela imaginava…
     
    Numa tempestade repentina e sobrenatural, Inês é tragada pelos mares – tragada peloseu mundo. Inês é uma sereia. E mais do que isso, ela é uma lenda viva – um ser aguardado por todas as sereias e tritões de Atlanta, um dos vários reinos que existem abaixo do mar sem o conhecimento dos humanos, como a grande salvadora deles. Inês é a Sereia Negra, a única sereia de cor negra de toda a história!

    Mesclado de fantasia e magia, lendas gregas e brasileiras, somado a um retrato da nossa realidade social, Sereia Negra promete te mostrar uma nova visão não só desses seres fantásticos, mas de questões da vida que vão além da fantasia.


Sobre a Agência Riff
imagem

Inaugurada em 1991, a Riff representa grandes nomes da literatura brasileira e as principais editoras e agências literárias estrangeiras no Brasil e em Portugal. Saiba mais.




2011 Agência Riff todos os direitos reservados - agenciariff@agenciariff.com.br Guilhotina Design