Carol Bensimon

Sobre a autora

Carol Bensimon nasceu em Porto Alegre, em 1982, e mora atualmente em Mendocino, na Califórnia. Já colaborou com contos e ensaios para os jornais Estadão, O Globo, Folha de S. Paulo, Zero Hora e as revistas Piauí, Ficções e Bravo! e também para a editora norte-americana McSweeney’s. Lançou o primeiro livro em 2008 pela Não Editora com o título Pó de parede, um conjunto de três novelas publicado enquanto cursava o Mestrado em Escrita Criativa na PUC-RS.

Na sequência, vieram três romances pela Companhia das Letras, sendo O clube dos jardineiros de fumaça o mais recente. Seus livros foram publicados na Argentina, Espanha, Itália e Estados Unidos e tiveram os direitos adquiridos para adaptações cinematográficas. É também autora do livro Uma estranha cidade (Dublinense, 2015), que reúne crônicas publicadas no Zero Hora e no Blog da Companhia.

 


 

Citações

“Em seu terceiro e mais ambicioso livro, a escritora gaúcha Carol Bensimon se insere numa tradição fortes em outras literaturas e que tem ganhado espaço no Brasil: o romance de expatriados (…) Como subtexto, aparece com força no romance a tese de que o Brasil seja um castrador de potenciais e liberdades individuais.”
Roberto Taddei, Folha de S. Paulo, sobre O clube dos jardineiros de fumaça (Companhia das Letras)

?”Atravessado por conflitos de geração, ‘O Clube…’ reflete sobre como as buscas por estados de vida alternativos ainda respingam nos mais jovens, e observa como elementos que nascem da contracultura acabaram incorporados no mainstream.”
Bolivar Torres, O Globo, sobre O clube dos jardineiros de fumaça (Companhia das Letras)

 “Um pequeno ensaio sobre a dor e o luto – construído com inteligência, rock e, por mais paradoxal que seja, vitalidade.”
Leandro Sarmatz, Vida Simples, sobre Sinuca embaixo d´água (Companhia das Letras)

?


 

Leia mais

Carol Bensimon usa economia da maconha nos EUA como pano de fundo para romance de geração, Estadão

Cristovão Tezza indica a leitura de O clube dos jardineiros de fumaça (Companhia das Letras) em sua coluna na Folha de S. Paulo


Share

Vídeos

  • O Clube dos Jardineiros de Fumaça
    Romance
    368 págs, 2017, Companhia das Letras.
  • Uma Estranha na Cidade
    Contos e Crônicas
    144 págs, 2015, Dublinense.
  • Todos Nós Adorávamos Caubóis
    Romance
    256 págs, 2013, Companhia das Letras.
  • Sinuca Embaixo D’Água
    Romance
    144 págs, 2009, Companhia das Letras.
  • Pó de Parede
    Contos e Crônicas
    128 págs, 2008, Não Editora.