15 de novembro de 2008

Milamor

Maria leva uma vida tediosa, que preenche conversando com suas samambaias.
Ela tem quase sessenta anos e, desde a morte do marido, mora com a filha, que a trata como se fosse uma senhora incapaz de tomar conta de si própria. Com a esperança de recuperar a alegria em sua vida e determinada a criar novas memórias, ela se apaixona por um homem que mal conhece.

Share

Outras Notícias

Nossos autores na imprensa

Confira as últimas notícias literárias sobre nossos escritores Luis Fernando Verissimo: […]

leia mais
Uma vibração de claridade impiedosa

Por Moacyr Godoy Moreira* (Resenha de Em Plena Luz, de Tércia […]

leia mais
Nossos autores na imprensa

Confira as últimas notícias literárias sobre nossos escritores Noemi Jaffe: Em […]

leia mais