15 de novembro de 2003

O Pintor que Escrevia

Marco Belluci é um pintor italiano que foge para o Brasil, com sua linda mulher e sua terrível sogra, às vésperas de estourar a II Guerra Mundial. Na serra gaúcha, a paz da família é interrompida pelo inexplicável suicídio do pintor. Vinte anos depois da morte de Marco, Amapola, a viúva, decide procurar um reputado marchand, para dar destino às telas deixadas. No espólio, o marchand e seu secretário descobrem que, atrás de cada uma das telas, o pintor deixara um verdadeiro e enigmático diário amoroso que culmina na solução de um grande mistério.

Share

Outras Notícias

Nossos autores na imprensa

Confira as últimas notícias literárias sobre nossos escritores Luis Fernando Verissimo: […]

leia mais
Uma vibração de claridade impiedosa

Por Moacyr Godoy Moreira* (Resenha de Em Plena Luz, de Tércia […]

leia mais
Nossos autores na imprensa

Confira as últimas notícias literárias sobre nossos escritores Noemi Jaffe: Em […]

leia mais