30 de outubro de 2008

Black Music

Quando um seqüestro aproxima um garoto americano, um jovem traficante e uma de suas namoradas, o inusitado acontece: os três estabelecem um vínculo e se vêem obrigados a repensar o futuro.
Michael Philips, 13 anos, sabe tudo de jazz e basquete, mas quase nada de sexo. Ele é seqüestrado e aterrorizado por He-Man, 17 anos, traficante que sonha em ser um rapper famoso. Jô vive ouvindo funks de Tati Quebra-Barraco e histórias da irmã, ex-prostituta. É ela quem limpa e alimenta o seqüestrado.
Nessa relação – alimentada por sexo, música, violência e sonhos ameaçados – a raiva e o medo dão lugar a sentimentos menos sombrios, como amizade, compaixão e, quem sabe, amor. Arthur Dapieve oferece ao leitor uma visão não só perturbadora, mas também delicada e bem-humorada, nesse romance ambientado em uma favela do Rio de Janeiro.

Share

Outras Notícias

Nossos autores na imprensa

Confira as últimas notícias literárias sobre nossos escritores Luis Fernando Verissimo: […]

leia mais
Uma vibração de claridade impiedosa

Por Moacyr Godoy Moreira* (Resenha de Em Plena Luz, de Tércia […]

leia mais
Nossos autores na imprensa

Confira as últimas notícias literárias sobre nossos escritores Noemi Jaffe: Em […]

leia mais