21 de outubro de 2021

O reino da despalavra

Por João Schlaepfer

Manoel de Barros nos ensinou e ainda ensina a trocar as lentes para o mundo. Um fotógrafo das insignificâncias. Um poeta da natureza.

Em Ensaios fotográficos, recém-lançado pela Alfaguara, seus poemas são verdadeiros ensaios sobre a fotografia. Manoel se apropria do reino das imagens ou, como o próprio autor diz, do “reino da despalavra”.

O livro é dividido em duas seções: “Ensaios fotográficos” e “Álbum de família”. Além dessas partes, a edição oferece ao leitor documentos, fotografias e um prefácio de Bianca Ramoneda.

A Revista Bravo sintetiza: “Como toda grande poesia, a de Barros trata do destino do homem, do medo da morte, da sombra da infância se projetando sobre o adulto, da busca da felicidade.”

Vale conferir e auferir o próprio significado, pois “As palavras, na viagem para o poema, recebem/ nossas torpezas, nossas demências, nossas vaidades”, escreve Manoel.


Share

Outras Notícias

As muitas faces de um mesmo dia

Editora José Olympio celebra 90 anos com lançamento da antologia de […]

leia mais
Uma bela première!

Ilze Scamparini estreia na literatura com uma obra inspirada em fatos […]

leia mais
De volta ao centro do mundo

Em novo livro, a premiada jornalista Eliane Brum, que adotou Altamira […]

leia mais