Ilana Casoy

Sobre a autora

Nascida em São Paulo em fevereiro de 1960, Ilana Casoy é criminóloga, escritora e roteirista, especializada no estudo do perfil psicológico de criminosos, em especial o de serial killers. A especialista em criminologia fez estágio na polícia científica e acompanhou de perto a perícia de homicídios em fase de investigação, contribuindo de maneira fundamental para a resolução de alguns casos no Brasil, principalmente os que apresentavam características de assassinatos em série.

Filha de uma família de intelectuais, formada em administração, casada e com dois filhos, Ilana decidiu se aprofundar no estudo da mente dos psicopatas ao se aproximar dos 40 anos. “Histórias policiais, crimes não resolvidos, sempre me intrigaram. Minha lembrança de infância sou eu na cozinha da casa da minha avó com meus pais e entrou o Boris [Casoy], meu tio, falando: ‘Mataram o Kennedy’.”, recorda a autora.

Ilana já publicou livros sobre crimes de grande repercussão no Brasil, como A prova e a testemunha, relato inédito do Caso Nardoni, e O Quinto Mandamento – caso de polícia, sobre o assassinato do casal Richthofen. Colaborou com o site do canal Investigação Discovery e assinou uma coluna na revista Brasileiros. Participou, a convite da Fox Brasil, da criação de um perfil do psicopata Dexter Morgan, anti-herói e protagonista da série homônima. Atuou ainda como colaboradora da série Dupla identidade, escrita por Gloria Perez e exibida na Rede Globo. Bruno Gagliasso interpretou um serial killer inspirado em Ted Bundy, cujo perfil é dissecado em Serial Killers: louco ou cruel? (Editora Darkside), seu livro de estreia. Para 2020, está prevista a exibição pela Netflix da série Bom dia, Verônica, uma adaptação do livro de mesmo título, escrito em coautoria com Raphael Montes e lançado pela DarkSide.

 


 

Leia mais

Netflix anuncia nova série policial brasileira Bom dia, Verônica , matéria do Estadão

Entrevista de Ilana Casoy para a TV Trip

Ilana Casoy – Uma grã-fina no mundo do crime


Share

Vídeos

  • Bom dia, Verônica
    Romance
    256 págs, 2019, Darkside.
  • Serial Killers: Made in Brazil e Louco ou Cruel
    Estudos sociais, Política e Cultura
    720 págs, 2017, Darkside.
  • Casos de Família
    História e Reportagem
    528 págs, 2016, Darkside.